Blog do Quesada

Arquivo : agosto 2012

Inferno astral de PH Ganso atinge a seleção
Comentários 20

Leandro Quesada

Não bastasse ter se envolvido nesta grande confusão de troca de time, provocado a revolta da torcida e aumentado a desconfiança da direção de futebol do Santos, Ganso caiu também no conceito da cúpula da seleção e da CBF (leia Mano Menezes, Andrés Sanches e Marín).

A falta de disposição nos Jogos de Londres marcou de forma negativa a passagem do meio-campista pelo time nacional. Na disputa com Oscar, o santista se escondeu e perdeu a vaga. Visto a partir daí como um jogador desmotivado, desligado e sem vibração.

E mais: sem iniciativa, com personalidade abalada e fora de sintonia com a importância da seleção do Brasil.

A imagem que ficou do meio-campista na seleção foi exatamente esta. Mas Mano não vai desistir de Ganso.

Ganso é um talento nato mas se perdeu nestes dois anos. Por maus conselhos, seguidas lesões e, consequentemente, atuações apagadas. A nova lesão o afasta por um período indeterminado dos campos. Tempo para se recuperar, pensar na vida profissional e ouvir aqueles que querem ajudá-lo, como Muricy Ramalho.

Há dois anos discutia-se quem era melhor: Ganso ou Neymar? Hoje a pergunta está, totalmente, fora de contexto.

20120831-204703.jpg


Lusa goleia; Palmeiras e Santos fracassam
Comentários 16

Leandro Quesada

A tão esperada reação do Palmeiras não veio na abertura do segundo turno do Brasileirão. Ao contrário, no Canindé, o Verdão teve atuação pífia. Time desconectado em campo, sem criatividade e sem alma. Restou ao técnico Felipão explicar o inexplicável. Desta vez a arbitragem não prejudicou o Palmeiras.

A Lusa fez uma grande partida no segundo tempo. Aplicou 3 x 0 mas poderia ter sido mais. Geninho foi arrojado e colocou a equipe no ataque. Ananias pela direita e Rogério pela esquerda complicaram o já complicado sistema defensivo do rival. Bruno Mineiro e Moisés colocaram a bola no fundo da rede.

O Verdão está quatro pontos abaixo do Bahia, o primeiro clube fora da zona da degola.

A Lusa respira bem.

Outro tropeço ocorreu na Vila Belmiro, onde o Santos tomou a virada do Bahia por 3 x 1. Inacreditável resultado dos santistas contra os baianos depois de duas vitórias difíceis nos clássicos com Corinthians e Palmeiras.

Joga tudo nos duelos paulistas e escorrega na Vila diante da equipe de Salvador. Vai entender! Nem Neymar conseguiu evitar a terrível queda. Ganso foi alvo da ira da torcida.

O Corinthians foi ao Rio e estragou a festa carioca. O empate por 1 x 1 não foi bom para o Fluminense que briga pelo título. Se tivesse vencido o jogo, o Flu teria ultrapassado o Atlético-MG.

20120829-235713.jpg


Arena do Palmeiras poderá ter capacidade maior
Comentários 40

Leandro Quesada

A projeção inicial de 45 mil lugares poderá sofrer uma alteração considerável: o aumento de mil cadeiras nas arquibancadas.

A informação foi revelada por Rogério Dezembro, diretor de novos negócios da WTorre, construtora da nova Arena do Palmeiras. “Nós estamos analisando o tamanho das cadeiras, sem braços, o que diminuiria os espaços entre elas e aumentaria para mil ou mais lugares¨, explica.

A data da inauguração também sofreu mudança. Agora, segundo Rogério Dezembro, ficou para o segundo semestre de 2013: “Estamos acelerando a obra, mas não queremos criar falsas expectativas aos torcedores. No segundo semestre do ano que vem, provavelmente, em setembro, fique pronta”.

A diferença de tratamento do poder público é alvo de críticas de Dezembro, ao comparar as dificuldades encontradas pelo Palmeiras para erguer o estádio e as facilidades que o rival Corinthians tem no estádio dele, em Itaquera. “Nós sofremos a demora no processo da aprovação de algumas obras, diferente de outro clube (Corinthians) que também constrói o estádio. A parte mais atrasada é da arquibancada descoberta, do anel da ferradura, que não teve autorização para ser destruída. Estamos reforçando as estruturas existentes”, desabafa o executivo.

Vejas as fotos no site www.novaarena.com.br

20120828-214808.jpg


“Degola já preocupa Palmeiras”, diz Marcos Assunção
Comentários 17

Leandro Quesada

Na conversa que tive na noite desta segunda-feira com o meiocampista palmeirense, abordamos o risco de rebaixamento do time no Brasileirão.

Eu disse que não acredito na queda do Verdão, mas Marcos Assunção me retrucou ao afirmar que o Palmeiras deve ficar ligado a partir de agora.

“Nós também não queremos. Mas é uma coisa que pode acontecer. A cada jogo que passa a gente deixa de somar pontos. É motivo de preocupação já. Não podemos deixar para depois. O risco existe sim”, avisa.

Durante a entrevista ao Esporte em Debate, da Rádio Bandeirantes, com a presença do técnico da Lusa, Geninho, também comentei os riscos da equipe do Canindé. “Nós vamos lutar para fugir das últimas posições. A equipe estará mais concentrada”, confia Geninho.

Portuguesa e Palmeiras se enfrentam nesta quarta, no Canindé.

A volta aos campos: Marcos Assunção pretende “voltar em três semanas” aos jogos do Palmeiras. Ele sofreu uma artroscopia no joelho na semana passada.

Renovação de contrato: “Eu vou decidir depois da recuperação da cirurgia. Não é hora. Em nenhum momento discuti a renovação e muito menos aumento de salário. Eu tenho caráter para cumprir o que acertei com o clube”. O contrato de Marcos Assunção termina no dia 31 de dezembro.

20120828-125004.jpg


A redenção de Luis Fabiano
Comentários 20

Leandro Quesada

Ele precisava de uma atuação como a vista no Pacaembu para voltar ao topo. O goleador fez a diferença no clássico entre Corinthians e São Paulo. Os dois gols marcados por ele garantiram a vitória de virada por 2 x 1. Dois belos gols: o primeiro com chute cruzado, forte e quase rasteiro no canto esquerdo de Cássio; o segundo, com drible da “vaca” no goleiro corinthiano.

Além do aspecto técnico, Luis Fabiano equilibrou o lado emocional, que muitas vezes o atrapalham com cartões amarelos e vermelhos. O fabuloso não reagiu as disputas mais intensas com os adversários.

A boa performance do artilheiro do São Paulo do Brasileirão com 9 gols abre a discussão sobre a volta dele à seleção brasileira.

“É um sonho distante. Desde a volta ao São Paulo ainda não tive a sequência. No segundo turno vou melhorar e cavar uma vaga na seleção”, prometeu.

Corinthianos e tricolores deixaram o Pacaembu com a mesma opinião: o Timão teve a chance de “matar” o jogo. Luis Fabiano e Rogerio Ceni admitem que o “rival criou mais” na primeira etapa e poderia ter feito mais gols. O técnico Tite lamenta não ter definido o placar.

Leia a reportagem do UOL.

20120826-185856.jpg


“Relação Corinthians e Pão de Açucar melhorou”, diz Duílio
Comentários 13

Leandro Quesada

Depois do episódio Paulinho, Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol, garante que “hoje já está ótima a relação com o Pão de Açucar que é nosso parceiro. Tudo está superado com Brunoro também. Todos entenderam que não é a hora de sair”.

A relacionamento entre clube e empresa ficou estremecido a partir do momento em que representantes do jogador e do Grupo Pão de Açúcar abriram a possibilidade de transferência do volante para o exterior. O CSKA Moscou veio com tudo para levá-lo mas a venda não foi concretizada por causa da posição do Corinthians, contrário ao negócio.

À época, outro diretor de futebol do Corinthians, Roberto Andrade ficou furioso com o fato do Timão não ser consultado na negociação. Roberto disparou contra o executivo do Pão de Açúcar, José Carlos Brunoro. “Eles estão no futebol para conseguir lucro financeiro. O Corinthians não vai aceitar isso. O Pão de Açúcar não tem o direito de decidir isso sozinho. Eles não estão negociando um saco de arroz que está na prateleira do mercado”, criticou o dirigente.

O Corinthians adquire a metade dos direitos econômicos de Paulinho que pertenciam ao banco BMG. A outra metade é do Pão de Açúcar. Foi, sem dúvida, uma vitória do Corinthians que manteve o meio-campista e ainda comprou 50% dos direitos econômicos.

20120824-214142.jpg


Felipão acena com “fico” no Palmeiras
Comentários 32

Leandro Quesada

O passeio de Felipão por Copacabana com os dirigentes do Palmeiras pode ter sido o grande passo para a permanência dele no clube.

Na caminhada pela orla carioca, antes do jogo entre Palmeiras e Botafogo, o técnico ouviu do presidente Arnaldo Tirone, do vice Roberto Frizzo e do diretor financeiro Antônio Henrique Silva a intenção de se formar uma equipe mais competitiva para a disputa da Copa Libertadores.

“Ouvi, principalmente, do presidente e do diretor financeiro, a ideia de tratar de reforços agora pensando no ano que vem. Eu gostei”, comemora Felipão.

O projeto ambicioso apoiado pela Kia, WTorre e Adidas prevê, no próximo ano, o investimento maior na formação de um time forte, algo que seduz o treinador. Além disso, a inauguração da nova Arena Palestra Itália (no segundo semestre) é outro ponto de fortalecimento da marca alviverde. O Verdão terá de volta a tão sonhada casa para jogar e fazer dinheiro.

Hoje o Palmeiras já tem o maior patrocínio de camisa de um clube no Brasil (cerca de 75 milhões de reais por três anos).

Dias melhores virão para o Palmeiras.

20120823-131942.jpg


GOL contra
Comentários Comente

Leandro Quesada

A falta de respeito com os passageiros prossegue nos aeroportos do país. A notícia é velha mas sempre atual. Atrasos e cancelamentos de voos prejudicam a todos, de turistas até aqueles que estão em viagens de trabalho e negócios, como eu.

Nesta quarta-feira, a companhia aérea GOL cancelou pelo menos três voos de S. Paulo (Congonhas) para o Rio de Janeiro (Santos-Dumont). Os de números 1518, 1520 e 1522 foram adequados ao voo seguinte (1524).

As explicações foram as mais esfarrapadas de sempre: manutenção da aeronave e tempo ruim (ruim?). Faltou apenas dizer que o piloto sumiu. Absurdo!

É fato que a legislação não é seguida, as autoridades fazem vistas grossas e tudo fica por isso mesmo. É um blá blá sem fim.

Eu desconfio que os cancelamentos tenham ligação com o número pequeno de passageiros em cada voo.

Entenda: a baixa procura por cada voo é um verdadeiro prejuízo para as companhias aéreas. Então, elas cancelam algumas viagens e empurram os clientes para o próximo avião. Assim, elas economizam pra valer. Simples, não?

A aeronave que me trouxe para a cidade maravilhosa tinha cerca de duzentos lugares e, acredite se quiser, alguns assentos estavam livres, uma prova para explicar a minha desconfiança.

A Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos estão chegando ao Brasil e ainda não solucionamos este “problemão aéreo”. Turistas e jornalistas do exterior e daqui correm o risco de “sambar” nos aeroportos brasileiros e perder as partidas.

Desta vez (ou mais uma vez), a GOL, linhas aéreas inteligentes (?), falhou com os clientes. Outras também desrespeitam o público, com raras exceções à regra. O Governo nada faz de concreto para mudar a situação e os passageiros seguem indefesos e atrasados.

A propaganda de bons serviços continua enganosa. O “Voe fácil” está cada mais difícil.

20120822-144641.jpg

20121127-125112.jpg


GOL contra
Comentários 14

Leandro Quesada

A falta de respeito com os passageiros prossegue nos aeroportos do país. A notícia é velha mas sempre atual. Atrasos e cancelamentos de voos prejudicam a todos, de turistas até aqueles que estão em viagens de trabalho e negócios, como eu.

Nesta quarta-feira, a companhia aérea GOL cancelou pelo menos três voos de S. Paulo (Congonhas) para o Rio de Janeiro (Santos-Dumont). Os de números 1518, 1520 e 1522 foram adequados ao voo seguinte (1524).

As explicações foram as mais esfarrapadas de sempre: manutenção da aeronave e tempo ruim (ruim?). Faltou apenas dizer que o piloto sumiu. Absurdo!

É fato que a legislação não é seguida, as autoridades fazem vistas grossas e tudo fica por isso mesmo. É um blá blá sem fim.

Eu desconfio que os cancelamentos tenham ligação com o número pequeno de passageiros em cada voo.

Entenda: a baixa procura por cada voo é um verdadeiro prejuízo para as companhias aéreas. Então, elas cancelam algumas viagens e empurram os clientes para o próximo avião. Assim, elas economizam pra valer. Simples, não?

A aeronave que me trouxe para a cidade maravilhosa tinha cerca de duzentos lugares e, acredite se quiser, alguns assentos estavam livres, uma prova para explicar a minha desconfiança.

A Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos estão chegando ao Brasil e ainda não solucionamos este “problemão aéreo”. Turistas e jornalistas do exterior e daqui correm o risco de “sambar” nos aeroportos brasileiros e perder as partidas.

Desta vez (ou mais uma vez), a GOL, linhas aéreas inteligentes (?), falhou com os clientes. Outras também desrespeitam o público, com raras exceções à regra. O Governo nada faz de concreto para mudar a situação e os passageiros seguem indefesos e atrasados.

A propaganda de bons serviços continua enganosa. O “Voe fácil” está cada mais difícil.

20120822-144641.jpg


Chefe dos árbitros paulistas concorda com assistente na “geladeira”
Comentários 61

Leandro Quesada

Coronel Marinho, diretor da Comissão de Árbitros de São Paulo, considera que o assistente Emerson de Carvalho “vive um momento ruim” e que “precisa de reciclagem”.

Emerson está afastado pela Comissão Nacional de Árbitros de Futebol (Conaf) após o lance polêmico no clássico Santos e Corinthians. Ele não viu o “impedimento triplo” no segundo gol do peixe marcado por André.

Emerson de Carvalho fica na “geladeira” do Brasileirão por um mês e depois retorna aos trabalhos.

“Eu lamento por ele. Ele se equivocou no lance. É o momento de treinar”, avalia o chefe da arbitragem.

Na visão de Marinho, no entanto, Emerson de Carvalho deve ser usado nas competições no Estado de São Paulo como forma de treinamento: “Ele vai atuar na segunda divisão do Paulista e na Copa Paulista”.

“A arbitragem não está boa no Brasil. Eu admito que as atuações no Paulistão também não foram boas. Vamos mudar a forma de preparação para o ano que vem”, promete.

Manuel Serapião Filho, vice da Conaf, afirmou que a decisão de afastamento é para preservar o assistente. “Ele é ótimo e vai voltar a ser utilizado depois desta parada”, explica.

20120820-211155.jpg